Jamais desista

OtimismoVideo  –   Cifra

   João Batista Nunes Coelho

Criança ou  jovem, senhor ou senhora
Que deixa a hora correndo, passar,
Quem cultiva o nada no nada atrofia
Não tem como um dia poder descansar.
A vida é agora onde você esteja,
Se chora ou se beija,
há um  futuro a luzir.
Semeie o bem,  brinque de esconde-esconde
Faça algo por onde
ter belo porvir.

Jamais desista de continuar !   Sonhe! Plante!
A vida é sua
é estrada é rua
pra você trilhar.
Nalgum horizonte deposite seu sonho
Levante a cabeça
e nunca se esqueça:
é ali seu lugar.

Não faz bem pensar: “Que adianta o trabalho
se  tudo é orvalho
que ao sol vai secar?”
Não fique esperando o acaso, a sorte,
Mas trace um norte
e comece a andar.
Já viu que pra muitos propecia a vida acontece
E na hora da prece
há mais pra bendizer?
Então, lhe proponho: faça algo que goste
Na vida aposte
é melhor! Há de ver.

Você pode ser a fagulha miúda
Que acende e ajuda
tudo a melhorar.
Se alguém chega perto  você contribui
Com vida que flui
que faz prosperar.

10/05/2008

 

Passarinho

A visita do pássaro à minha janela!Ouça  –  Cifra

João Batista Nunes Coelho

Hoje à tarde um passarinho
pousou na minha janela
Disse: “oi!” Eu respondi
e parei de trabalhar.
Perguntou: “Eu te atrapalho?”
Respondi: “Claro, que não!”
Ia de um lado pra outro
e eu fiquei pensando então:

Se as pessoas entre si também fizessem
Mais visitas simples, sem formalidades,
Haveria mais calor nos corações,
Menos frio e solidão existiriam.
Sendo simples, como são os passarinhos,
Bem mais longe as pessoas voariam.  

Eu pensei: se aí tu ficas
Saltitando e me olhando
Achas que nada de ruim
Há de lhe acontecer.
Como tu, muitas pessoas
São também simples assim,
Se visitam, como agora,
tu o fazes para mim.

Observava-me e trinava
Calmo como nunca vi,
Meneava a cabeça
Andava daqui pra ali.
De repente, disse: “tchau”
E voou o passarinho.
Eu fiquei sorrindo, grato,
E ele, seguiu seu caminho.

J.B.Nunes Coelho, 11/04/2006, terça feira
 

Ao redor da mesa

Mesa-conversando Ouça  –   Cifra

                   João Batista Nunes Coelho

É ao redor da mesa que se fala a verdade
que se conta mentira, que se fala sério
e se dá gargalhada.
Ao redor da mesa se reunem amigos
se reúne familia, colegas,
pra hora do vamos ver ou pra nada.

Eu vi uma mesa acabando quebrada
foi tanta risada que ela não agüentou
Também já vi mesa acabando corada
de coisas que ouviu  e testemunhou.
Mesa não fale, fale mesa, mesa não fale…

Eu tenho um amigo que não possui  mesa
mas, lá com certeza, se senta também
se senta no chão, no púfi ou cadeira
Lá fala se  bem, lá se fala asneira.
Mesa não fale, fale mesa, mesa não fale…

Em volta da mesa há gente que fala
há gente que cala, que ri e que chora
Em volta da mesa tomam-se decisões
se reúne também pra jogar conversa fora…
Mesa não fale, fale mesa, mesa não fale…